Com genialidade, família enfrenta dificuldades da paralisia cerebral


Foto: Vagner Caliman

Grupo de sintomas que engloba dificuldade de movimentação e rigidez muscular, a paralisia cerebral atinge cerca de 17 milhões de pessoas no mundo. Esta é uma realidade dos filhos do casal Alcione Destefani e Alexander Stoffel, da cidade de Castelo, região sul do Espírito Santo. Arthur e Anthony, de dez e onze anos, foram diagnosticados com paralisia cerebral logo após o nascimento.

Diante das dificuldades motoras e cognitivas, com força e genialidade, a família tem conseguido se adaptar às limitações decorrentes da paralisia. Exemplo disso é a adaptação de uma bicicleta para que o casal pudesse passear com os filhos pela cidade. Além do exemplo de vida, a família inspira e recebe aprovação dos moradores de Castelo.

Confira a matéria completa do estudante Vagner Caliman para a revista Entreverbos.

10 visualizações

Este site foi criado em 2017 pelo curso de Bacharelado em Jornalismo do Centro Universitário Internacional.

A reprodução integral ou de parte do conteúdo é permitida desde que citada a fonte, incluindo o nome do autor e do site.

Política de privacidade