MAI: uma imersão no universo indígena


MAI é o primeiro museu particular do Brasil dedicado exclusivamente à produção artística dos indígenas brasileiros. (Crédito: Ivone Souza)

Inaugurado em 2016, o Museu da Arte Indígena (MAI) propõe uma imersão no universo indígena brasileiro. O espaço, no Bairro Água Verde, em Curitiba, foi projetado especialmente para retratar as riquezas culturais e a diversidade nativa. As paredes seguem linhas orgânicas que são inspiradas no formato de uma sucuri. Além disso, a área é dividida em dois ambientes que representam o ar e a terra, elementos que fazem parte da cultura destas etnias. Um dos destaques do local é uma canoa de sete metros, trazida de uma ilha considerada sagrada no Xingu.

As fotos exclusivas e a matéria completa produzida pela repórter Ivone Souza estão disponíveis na Revista F.

10 visualizações

Este site foi criado em 2017 pelo curso de Bacharelado em Jornalismo do Centro Universitário Internacional.

A reprodução integral ou de parte do conteúdo é permitida desde que citada a fonte, incluindo o nome do autor e do site.

Política de privacidade