Blocos de rua saem em pré-carnaval em Curitiba

Quem fala que não tem folia em Curitiba está muito enganado. E não é só com escolas de samba. Algumas das principais atrações carnavalescas na capital paranaense ocorrem nas ruas. Trata-se das baterias dos blocos de carnaval, que anima os curitibanos em vários pontos da cidade, como no calçadão da Rua XV e no Centro Histórico. Neste ano, os blocos já deram largada no pré-carnaval, e tem saídas já nesta sexta-feira (8). Confira o calendário ao final da reportagem. 

 

O primeiro bloco carnavalesco criado em Curitiba foi o Garibaldis e Sacis em 1999. De lá para cá, a iniciativa incentivou outros blocos a sair em desfile pela cidade. Dentre eles, tem os blocos que recebem alguma ajuda financeira da Fundação Cultural de Curitiba e os ditos independentes, que não têm acesso à verbas públicas.

 

Com verba pública ou não, todos os blocos apresentam atividades gratuitas e de livre acesso do público. Os horários de saídas dos blocos são variados, com apresentações noturnas e tem matinês para o público infanto-juvenil. 

 

Em fevereiro deste ano, todos os finais de semana vão ter apresentações e desfiles para o pré-carnaval. A programação das apresentações é possível ver no Instagram e Facebook dos bloquinhos, onde tem os dias, horários e local das atividades.

 

Conheça os principais bloquinhos de Curitiba

 

Garibaldis e Sacis: Primeira escola de samba de Curitiba, os organizadores começaram a com desfiles indo do Bar do Saci até a Praça Garibaldi;

 

 Garibaldis e Sacis desfilaram pela Marechal Deodoro no ano passado. Créditos foto: Alice Rodrigues/FCC

 

Siribloco: criado em 2018, o bloco promete "balançar a folia curitibana";

 

Bloco Caiu no Cavalo Babão: é um bloco diferente do tradicional, pois mistura samba com o Rock In Roll;

 

Bloco Brasilidades: começou em 2013 e já realizou muitas edições pelo Brasil afora e até na capital espanhola. Em diferentes edições chegou a alcançar um público de 50 mil pessoas;

 

Bloca Ela pode ela vai: criado em janeiro de 2018 por um grupo feminista, a Bloca Ela pode, Ela Vai, tem a intenção de unir as mulheres que queiram batucar, estarem juntas e ocupar as ruas;

 

Além desses blocos, as ruas da capital conta ainda com saída dos grupos: Juana Profunda, BatuCannabis, Garibaldinhos, Bloco Afro Pretinhosidade, Segura o CUritiba, Burlesco Cachorras, Siribloquinho, Paranambloco, Saí do Armário e Me Dei Bem, Adorei as Almas e o bloco 10afinados e Daí?

 

Veja as próximas saídas:

 

08/02 sexta-feira: às 20 horas o Bloco Burlesco Cachorras.

 

09/02 sábado: Siribloquinho nas Ruínas do São Francisco. Na Praça 19 de Dezembro às 14h30 a Bloca Ela Pode, Ela vai. E às 19 horas no Cavalo Babão o Paranambloco.

 

15/02 sexta-feira: às 19 horas Siribloco.

 

16/02 sábado: às 15 horas no Paço da Liberdade o Bloco Saí do Armário e Me Dei Bem. Às 15 horas no Largo da Ordem tem o Caiu no Cavalo Babão.

 

17/02 domingo: Garibaldis e Sacis no Sítio Cercado, Às 15 horas na Praça Santos Andrade o Bloco Afro Pretinhosidade. Também às 15 horas nas Ruínas do São Francisco o bloco Juana Profunda.

 

22/02 sexta-feira: às 18 horas no Cavalo Babão, o bloco Paranambloco. Às 20 horas o bloco Burlesco Cachorras e Adorei as Almas ao lado do Cemitério Municipal.

 

23/02 sábado: às 15 horas no Paço da Liberdade o Bloco Saí do Armário e Me Dei Bem.

 

24/02 domingo: Garibaldis e Sacis na Marechal Deodoro e às 15 horas no Cavalo Babão o Bloco Caiu no Cavalo Babão.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Please reload

Documentário destaca histórias de profissionais do rádio

06/08/2020

1/1
Please reload

Radioweb Uninter
00:00 / 00:00
chamada.jpg
banner_site_.jpg

Este site foi criado em 2017 pelo curso de Bacharelado em Jornalismo do Centro Universitário Internacional.

A reprodução integral ou de parte do conteúdo é permitida desde que citada a fonte, incluindo o nome do autor e do site.

Política de privacidade