Mulheres ainda estão distantes da política

Mesmo após a eleição da primeira mulher ao parlamento nacional em 1934, os índices femininos continuam inferiores que a presença masculina. Nas eleições gerais ocorridas em 2018, dos 88 cargos no legislativo e executivo em disputa no Paraná, apenas 9 foram preenchidos por mulheres. Para mudar essa realidade, a lei prevê pelo menos 30% das vagas em disputa sejam preenchidos por mulheres, mas esse percentual não é obedecido pelos partidos e respectivas coligações. Saiba mais sobre os dados e informações sobre a participação feminina nas eleições na matéria de Gabriel Mafra para a edição 61 do Jornal Marco Zero.

 Pela lei 30% dos cargos em disputas deve ser de mulheres mas, o índice de eleitas não reflete essa exigência e chega a apenas 10% dos eleitos. Créditos: Luis Gustavo

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Please reload

Radioweb Uninter
00:00 / 00:00

Este site foi criado em 2017 pelo curso de Bacharelado em Jornalismo do Centro Universitário Internacional.

A reprodução integral ou de parte do conteúdo é permitida desde que citada a fonte, incluindo o nome do autor e do site.

Política de privacidade