Aplicativos de transporte criam serviços exclusivos para mulheres


Em 2017 o número de violência contra mulheres cresceu cerca de 8,5% em comparação com 2016, segundo dados do Anuário Estatístico do Fórum de Segurança Pública. A crescente onda de assédio está fazendo com que mulheres procurem serviços que garantam mais segurança. No transporte de passageiros alternativo, onde a predominância é masculina, já existem aplicativos exclusivos para mulheres. Isso garante a elas mais conforto na hora do transporte tanto para a motorista quanto para a passageira.

Saiba mais na matéria de Hemelyn Parahiba publicada no Jornal Marco Zero.

Este site foi criado em 2017 pelo curso de Bacharelado em Jornalismo do Centro Universitário Internacional.

A reprodução integral ou de parte do conteúdo é permitida desde que citada a fonte, incluindo o nome do autor e do site.

Política de privacidade